BIM, novo processo de projetar e monitorar obras, avança com sucesso no Brasil

A aplicação bem sucedida do processo BIM (Building Information Modeling ou Modelagem da Informação na Construção) na construção imobiliária brasileira foi destaque do 3º Seminário BIM – Modelagem da Informação da Construção. O evento foi realizado pelo SindusCon-SP por meio dos Comitês de Tecnologia e Qualidade (CTQ) e de Meio Ambiente (Comasp) do sindicato, em 18 de outubro, com a participação de 350 pessoas que lotaram o Teatro Renaissance, em São Paulo.

O BIM é processo que está revolucionando o projeto e o acompanhamento de obras de edificações em todo o mundo. Na abertura do evento, o presidente do SindusCon-SP, Sergio Watanabe, destacou que o BIM "será fundamental para vencer o grande desafio das construtoras de aumentar a produtividade do setor". Ele destacou que o setor vive um ambiente de pleno emprego e que o modelo de trazer mais empregos para o setor "já se esgotou". "Agora, temos de apostar em sistemas gerenciais de projetos e na elevação da produtividade", afirmou.

Entre os cases brasileiros de sucesso que foram expostos, um dos destaques foi a entrada da Sinco Engenharia no processo. Paulo Rogerio Sanchez, diretor da construtora, explicou que a intenção é implantar não só o planejamento mas também a gestão de custos, indo até a versão 6D.

A Sinco desenvolve a modelagem internamente, a partir da versão 2D fornecida por projetistas, verifica as incompatibilizações e valida o projeto executivo. "O projeto sai com um detalhamento preciso do modelo, permitindo que a obra saiba, por exemplo, qual o volume de concreto de cada laje ou até de cada elemento", disse.

Segundo Paulo Sergio de Oliveira, diretor do departamento de Engenharia Avançada da JHSF, "mais do que ferramenta, BIM é uma forma de fazer engenharia". A empresa tem como tarefa antecipar o escopo dos projetos e a estimativa de tempo e custo, para saber se o resultado é bom ou não para a construtora. "Antecipando etapas é possível reduzir as incertezas a um nível mais aceitável", comentou.

Já Sergio Roberto Leusin, sócio gerente da GDP (Gerenciamento e Desenvolvimento de Projetos), foi categórico sobre a importância do BIM para a construção civil. "Esta nova tecnologia de projetos, que já foi aplicada em todas as outras indústrias. Só a construção não usou ainda. Somos os últimos, os mais atrasados. Não é mais uma questão de economia, é uma onda tecnológica. Deveríamos ter vergonha de hesitar em implementá-la. Quanto vamos economizar com ela? Não vamos economizar, vamos sobreviver", sentenciou.

No Exército

Pela primeira vez, o público do seminário BIM viu como o Exército brasileiro está investindo na modelagem da informação para gerenciar as obras e fazer a gestão dos seus equipamentos, do projeto e aquisição de materiais até a manutenção e demolição de edificações.

O tenente-coronel Alexandre Fitzner do Nascimento, da Diretoria de Obras Militares do Exército, falou sobre o sistema GIM (Geographic Information Modeling), que trabalha o contexto geográfico das interferências do homem em um terreno, para saber se ele é adequado à futura instalação militar.

Segundo ele, pelo Geo PDOM (Plano Diretor de Obras Militares), são gerenciadas todas as informações das obras, desde quem as solicitou, e pelo Sistema Opus faz-se a gestão do ciclo de vida da infraestrutura militar, que carrega por si só aspectos bem peculiares por questão estratégica de segurança nacional.

O tenente-coronel Washington Gultenberg Lüke explicou que a maneira de o Exercito trabalhar o BIM é diferente, jamais descartando um dos quatro pilares de análise –bibliotecas, processos, normatização e capacitação–, que são cruzadas com o que ele chamou de "tetrarestrições": escopo, custo, prazo, qualidade. A padronização dos processos também é uma exigência, já que o Exército atua em todo o território nacional.

Guias

A programação também incluiu importantes palestrantes internacionais, como John Messner, professor da universidade Penn State (EUA), autor de dois dos mais completos guias de implantação do BIM, um deles focado no planejamento do projeto executivo. Para ele, ao planejar um projeto em BIM é fundamental ter a visão dos objetivos e de como será o uso e a manutenção da edificação. "Devemos lembrar que as organizações têm diferentes experiências e não é possível ter um modelo só, mas que o modelo deve ter um propósito bem definido. Não pensar nisso no começo é um erro", afirmou.

Já o consultor Jan Reinhardt, sócio da Adept Project Delivery, discutiu exemplos brasileiros. "Estou impressionado com a velocidade das coisas em torno do BIM no Brasil", revelou. Segundo ele, as empresas já começam a migrar do modelo 3D para o 4D, que inclui o fator gestão de custos nos projetos virtuais.

Para Reinhardt, o uso do BIM no Brasil carrega um teor cultural. "Ao contrário dos EUA, onde as mudanças no modelo são feitas diariamente, no Brasil estas alterações não são tão frequentes como poderiam".

O 3° Seminário BIM do SindusCon-SP teve patrocínio de Autodesk, Beck Technology, Bentley Sustaining Infrastructure, Brasil Insurance Central de Seguros, Deca, Essence, Gerdau, Vico Softwares e TQS Informática.

Fonte: Assessoria de Imprensa do SindusCon-SP. Outubro 19, 2012.

FacebookTwitterGoogle BookmarksLinkedIn

Contate-nos!

Nome (*)

must contain only 0-9,a-z,A-Z characters
Email (*)

is not a valid e-mail address.
Telefone


Empresa (*)

must contain only 0-9,a-z,A-Z characters
Comentário




Invalid Input



Nosso Portfolio

Centro de Dados Northlake

Área: 707,000 sf | 65682 m2 Localização: Northlake, IL. Estados Unidos Construtora: Turner Constru...

Embraco – Fabricante de Compressores

Área: 275,000 sf | 25.500 m2 Localização: Apodaca. México Cliente: Garza Ponce Desarrollos

Manquehue O´Connell

Área: 2,389,588 sf | 222.000 m2 Localização: Santiago. Chile Cliente: Las Americas

Acessórios de tubulação Victaulic

Categoria do produto: Acessórios de tubulação Quantidades do produto: 250 produtos Cliente: Victau...

Harvard Dunster House

Área: 170,000 sf | 15.794 m2 Localização:  Cambridge, MA. Estados Unidos.

Registe na nossa Newsletter

Registe na nossa Newsletter e receba grátis as últimas notícias sobre BIM.

Nome (*)
Please add a value for .
Sobrenome (*)
must contain only 0-9,a-z,A-Z characters
Email (*)
is not a valid e-mail address.

Quem Somos Notícias BIM BIM, novo processo de projetar e monitorar obras, avança com sucesso no Brasil